Saude

Como usar correctamente os antibióticos

Os antibióticos são os medicamentos mais comuns que a medicina moderna tem para combater eficazmente infecções bacterianas. Os antibióticos devem ser tomados sempre até ao fim e segundo as instruções do seu médico, caso contrário as bactérias podem desenvolver resistência aos mesmos, diminuindo a sua eficácia no futuro.
As autoridades de saúde portuguesas alertam para o facto de muitas pessoas não o fazerem, e pior ainda, os tomarem sem prescrição médica.
Aqui ficam os principais cuidados que deve ter quando tomar antibióticos:
1 – Os antibióticos devem ser tomados apenas se receitados por um médico, devendo o mesmo ser informado de que outros medicamentos está a tomar, de possíveis alergias que tenha ou se está grávida ou a tomar contraceptivos.
2 – Os antibióticos não devem ser tomados de estômago vazio pois são medicamentos muito fortes. Também não deve beber álcool enquanto estiver a fazer tratamentos com antibióticos.
3 – Se por esquecimento ou qualquer impossibilidade não conseguir tomar o antibiótico a determinada hora, não deve tomar quando puder ou tomar a dobrar na próxima hora. O procedimento correcto é ignorar essa falha e seguir com o horário definido.
4 – Os antibióticos devem ser tomados até ao fim, seguindo sempre as instruções que o seu médico lhe deu, e sem excepções. Os antibióticos visam destruir a infecção até ao fim, e se deixar de os tomar quando já se sentir melhor vão sobreviver bactérias que vão ganhar resistência e ser mais fortes na próxima infecção. A probabilidade de essa mesma infecção se tornar recorrente também aumenta bastante.
5 – Os antibióticos devem ser guardados em locais secos e à temperatura ambiente, podendo necessitar de refrigeração se indicado pelo seu médico ou farmacêutico. Se por algum motivo sobrar antibiótico de um tratamento, deve deitá-lo fora e nunca guardá-lo para o futuro.
Tenha sempre em mente que os antibióticos são medicamentos fortes e os seus tratamentos têm que ser levados à letra para serem eficazes e evitar problemas de maior no futuro.

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *