Cultura e Arte

Declamação de Poesia no Café Pinguim

Na cave do Pinguim Café há sessões de declamação de Poesia todas as segundas-feiras.
Aqui o gosto pela poesia foi partilhado por poetas e amantes de poesia como Amílcar Mendes, Daniel Maia-Pinto Rodrigues João Habitualmente, José João Sardinha, Pedro Lamares, Filipa Leal, Valter Hugo Mãe, Vasco Gato, Manuel Jorge Marmelo, Renato Filipe Cardoso e Eduardo Leal.

Os encontros tiveram início, há mais de 25 anos, com o poeta e crítico Joaquim Castro Caldas (1956-2008). Hoje, o mestre-de-cerimónias é o actor Rui Spranger, que dá a palavra a quem queira participar, independentemente do tema, assumindo o risco do improviso.

Diz-se muito Fernando Pessoa e seus heterónimos, Mário de Sá-Carneiro, Ary dos Santos, António Gedeão, Ruy Belo, Mário Cesariny Vasconcelos, Manuel António Pina, Daniel Maia-Pinto Rodrigues, Jorge Sousa Braga, João Habitualmente.

De vez em quando, os poemas dão lugar aos poemas cantados por Rui David ao som da guitarra.No final, canta-se o “Cançoninho”, escrito por Joaquim Castro Caldas em sua homenagem.

QUANDO: 13 Nov 2017 às 22:00
ONDE: Pinguim Café
Rua de Belomonte 65
4050-253 Porto
Portugal

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *